sábado, 29 de dezembro de 2012

RECESSO

O APS está em merecido recesso. Aguarde retorno. Aproveite o tempo pra organizar a fantasia. Carnaval vem aí.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

CONFRA 2012

APS se diverte na despedida do ano ciclístico


 Júri feminino antes da saída do grupo, na Jaqueira

O mais esperado e divertido concurso do ano - Pernas Masculinas APS - surpreendeu neste 2012 pela quantidade de votos. Primeiríssimo lugar na categoria Beleza da Natureza, Milton obteve 384 mil aclamações. Milton, que repetidos anos foi Café com Leite, sobe agora vertiginosamente para reinar de faixa e troféu. Luciano Alcântara levou o segundo lugar com 293 mil votos, tudo por causa de membros inferiores a la Toni Ramos. Levou um susto e tremeu feito vara verde ao saber que um empate técnico com Chico (belas pernas), poderia ser-lhe fatal na obtenção do título. Empate desempatado, Luciano suspirou aliviado. O terceiro lugar foi do Café com Leite Daniel Dias. Escurinhas em baixo, clarinhas em cima, as pernas de Daniel lhe renderam 193 mil votos. E, com 82 mil votos, Olívia Palito vai direto pra Jaime Albuquerque. Apesar de surpreender-se ele próprio com o resultado, Jaime nem caiu - rssssss.
Surpreso, Milton recebe faixa e troféu do antecessor Gilson

Você há de se perguntar de onde surgiram tantos votos se a confraternização apessiana reuniu apenas pouco mais de 80 pessoas, contando com os que foram de carro. Parceira do APS, a operadora "Olá" abriu caminhos e o povo pôde votar dos mais distantes e inusitados lugares. A maior quantidade de votos veio do facebook. Os e-mails choveram. Agora, o que menos contribuiu foi o twitter, que o povo parece dar menor importância. Mas isso são apenas detalhes da festa mais que animada, onde todo mundo brincou. Observada pela coordenação, Vânia Barreto se esbaldou naquela piscina, no chuveirão e caldeirão. Chuáaaaaa! A presença de Vânia foi notória porque ela foi a primeira a entrar e a última a sair da água, embora não tenha sido a única a se divertir. As fotos registram dentes escancarados sorrindo, gargalhando e comprovando a descontração de quem participou da confraternização do APS.
Casal de preto, acima à esquerda, representa os Abutres. 
Vânia Cara-de-Menina, óculos escuros, pontinha à direita, quase não sai da água

O grupo saiu do Parque da Jaqueira às 8h30. Pra não perder o costume, fez uma pedalada mista até o Show de Bola. Subiu e desceu ladeiras, embrenhou-se em trilhas, perdeu-se mas se achou - rssssss - e enfrentou uma subida monstruosa de barro. Legal demais, mesmo pra quem pensou que não fosse gostar. Quando o APS chegou pra brincadeira, já estava tudo organizado por Márcia Cunha, que foi mais cedo pra ajustar as primeiras providências. O APS pagou o acesso do pessoal da camisa lilás, conseguiu abatimento de 50% para os descamisados - rsssss - e, de surpresa, anunciou uma grade de cerveja e 10 refris para a confraternização. Ôbaaaaaaa, gritaram os mais chegados a uma lourinha suada com batata frita. O consumo foi em comanda individual. 
A roxinha ou lilaszinha que se fala é a camisa 2012, que Daniel e Marco não tiraram nem na piscina (rsssss)

A brincadeira começou com o sorteio de brindes. Muitos brindes, do cubo mágico à trena, da bebida ao vale-foto, da camiseta ao stik, do boné à manutenção de bike, da bolsa de viagem ao bilhete de metrô. Bilhete de metrô, de onde saiu isso, minha gente? Ah, foram dois bilhetes, uma gentil doação de Luciano Alcântara (rssss) que, por sorteio e por acaso, terminaram caindo nas mãos de Alberto e Jandete, casal simpático, que vai usar os tíquetes na próxima lua-de-mel - rsssssssss. Enquanto isso, e sem que os homens soubessem, a mulherada já estava de olho nos candidatos compulsórios a Beleza da Natureza, Toni Ramos, Café com Leite e Olívia Palito. Os votos corriam por baixo dos panos, agilizando uma contagem prévia. Foi dessa inicial que os nomes de Dennys e Chico se fortaleceram para a versão 2013 do concurso. Responsa antecipada - rssssss.
 O marketing de Alberto pra mostrar as pernas não foi suficiente, talvez em 2013 (rssss)

E pronto! A festa está quase no fim. Era pra demorar um pouquinho mais, mas Jandete quebrou a panela na primeira tacada, tirando a chance de outras tentativas. É tão engraçado, né, um quebra-panela? Brincadeira de criança que se perpetuou principalmente nas festas apessianas. A panela tinha farinha de trigo e bombons. No que ninguém acreditou foi quando Gil disse que havia dinheiro também. Rá, rá, rá. Somente Márcia e o filho de Daniel Dias cataram as moedas. Pô, mais de 10 "real". Depois, os homens desfilaram, Gilson entregou troféu e faixa a Milton, o pessoal foi pagar o consumo e aí a festa passou pra piscina e lá continuou.
O povo bombou em cima dos bombons. O vídeo mostra

Maroca confraternizou, mas não tomou banho de piscina. Esqueceu o biquine novo em casa, mas grudou olhos e ouvidos nas pessoas e conversas. Foi assim que ela ficou sabendo que tem um casal fazendo teste. Inocente da velha guarda, Maroca pensou que fosse teste de matemática ou português. Não, não, teste é pra ver se dá. Olha, tem uma bocado de fofoca, mas Maroca tá começando a tomar juízo e ficar de boca fechada (rssss). Até já mandou um cartão de festas pra você. Recebeu?

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

CONFRA 2012

APS se diverte na despedida do ano ciclístico


 Júri feminino antes da saída do grupo, na Jaqueira

O mais esperado e divertido concurso do ano - Pernas Masculinas APS - surpreendeu neste 2012 pela quantidade de votos. Primeiríssimo lugar na categoria Beleza da Natureza, Milton obteve 384 mil aclamações. Milton, que repetidos anos foi Café com Leite, sobe agora vertiginosamente para reinar de faixa e troféu. Luciano Alcântara levou o segundo lugar com 293 mil votos, tudo por causa de membros inferiores a la Toni Ramos. Levou um susto e tremeu feito vara verde ao saber que um empate técnico com Chico (belas pernas), poderia ser-lhe fatal na obtenção do título. Empate desempatado, Luciano suspirou aliviado. O terceiro lugar foi do Café com Leite Daniel Dias. Escurinhas em baixo, clarinhas em cima, as pernas de Daniel lhe renderam 193 mil votos. E, com 82 mil votos, Olívia Palito vai direto pra Jaime Albuquerque. Apesar de surpreender-se ele próprio com o resultado, Jaime nem caiu - rssssss.
Surpreso, Milton recebe faixa e troféu do antecessor Gilson

Você há de se perguntar de onde surgiram tantos votos se a confraternização apessiana reuniu apenas pouco mais de 80 pessoas, contando com os que foram de carro. Parceira do APS, a operadora "Olá" abriu caminhos e o povo pôde votar dos mais distantes e inusitados lugares. A maior quantidade de votos veio do facebook. Os e-mails choveram. Agora, o que menos contribuiu foi o twitter, que o povo parece dar menor importância. Mas isso são apenas detalhes da festa mais que animada, onde todo mundo brincou. Observada pela coordenação, Vânia Barreto se esbaldou naquela piscina, no chuveirão e caldeirão. Chuáaaaaa! A presença de Vânia foi notória porque ela foi a primeira a entrar e a última a sair da água, embora não tenha sido a única a se divertir. As fotos registram dentes escancarados sorrindo, gargalhando e comprovando a descontração de quem participou da confraternização do APS.
Casal de preto, acima à esquerda, representa os Abutres. 
Vânia Cara-de-Menina, óculos escuros, pontinha à direita, quase não sai da água

O grupo saiu do Parque da Jaqueira às 8h30. Pra não perder o costume, fez uma pedalada mista até o Show de Bola. Subiu e desceu ladeiras, embrenhou-se em trilhas, perdeu-se mas se achou - rssssss - e enfrentou uma subida monstruosa de barro. Legal demais, mesmo pra quem pensou que não fosse gostar. Quando o APS chegou pra brincadeira, já estava tudo organizado por Márcia Cunha, que foi mais cedo pra ajustar as primeiras providências. O APS pagou o acesso do pessoal da camisa lilás, conseguiu abatimento de 50% para os descamisados - rsssss - e, de surpresa, anunciou uma grade de cerveja e 10 refris para a confraternização. Ôbaaaaaaa, gritaram os mais chegados a uma lourinha suada com batata frita. O consumo foi em comanda individual. 
A roxinha ou lilaszinha que se fala é a camisa 2012, que Daniel e Marco não tiraram nem na piscina (rsssss)

A brincadeira começou com o sorteio de brindes. Muitos brindes, do cubo mágico à trena, da bebida ao vale-foto, da camiseta ao stik, do boné à manutenção de bike, da bolsa de viagem ao bilhete de metrô. Bilhete de metrô, de onde saiu isso, minha gente? Ah, foram dois bilhetes, uma gentil doação de Luciano Alcântara (rssss) que, por sorteio e por acaso, terminaram caindo nas mãos de Alberto e Jandete, casal simpático, que vai usar os tíquetes na próxima lua-de-mel - rsssssssss. Enquanto isso, e sem que os homens soubessem, a mulherada já estava de olho nos candidatos compulsórios a Beleza da Natureza, Toni Ramos, Café com Leite e Olívia Palito. Os votos corriam por baixo dos panos, agilizando uma contagem prévia. Foi dessa inicial que os nomes de Dennys e Chico se fortaleceram para a versão 2013 do concurso. Responsa antecipada - rssssss.
 O marketing de Alberto pra mostrar as pernas não foi suficiente, talvez em 2013 (rssss)

E pronto! A festa está quase no fim. Era pra demorar um pouquinho mais, mas Jandete quebrou a panela na primeira tacada, tirando a chance de outras tentativas. É tão engraçado, né, um quebra-panela? Brincadeira de criança que se perpetuou principalmente nas festas apessianas. A panela tinha farinha de trigo e bombons. No que ninguém acreditou foi quando Gil disse que havia dinheiro também. Rá, rá, rá. Somente Márcia e o filho de Daniel Dias cataram as moedas. Pô, mais de 10 "real". Depois, os homens desfilaram, Gilson entregou troféu e faixa a Milton, o pessoal foi pagar o consumo e aí a festa passou pra piscina e lá continuou.
O povo bombou em cima dos bombons. O vídeo mostra 

Maroca confraternizou, mas não tomou banho de piscina. Esqueceu o biquine novo em casa, mas grudou olhos e ouvidos nas pessoas e conversas. Foi assim que ela ficou sabendo que tem um casal fazendo teste. Inocente da velha guarda, Maroca pensou que fosse teste de matemática ou português. Não, não, teste é pra ver se dá. Olha, tem uma bocado de fofoca, mas Maroca tá começando a tomar juízo e ficar de boca fechada (rssss). Até já mandou um cartão de festas pra você. Recebeu?

domingo, 16 de dezembro de 2012

CONFRA 2012

APS se diverte na despedida do ano ciclístico


O mais esperado e divertido concurso do ano - Pernas Masculinas APS - surpreendeu neste 2012 pela quantidade de votos. Primeiríssimo lugar na categoria Beleza da Natureza, Milton obteve 384 mil aclamações. Milton, que repetidos anos foi Café com Leite, sobe agora vertiginosamente para reinar de faixa e troféu. Luciano Alcântara levou o segundo lugar com 293 mil votos, tudo por causa de membros inferiores a la Toni Ramos. Levou um susto e tremeu feito vara verde ao saber que um empate técnico com Chico (belas pernas), poderia ser-lhe fatal na obtenção do título. Empate desempatado, Luciano suspirou aliviado. O terceiro lugar foi do Café com Leite Daniel Dias. Escurinhas em baixo, clarinhas em cima, as pernas de Daniel lhe renderam 193 mil votos. E, com 82 mil votos, Olívia Palito vai direto pra Jaime Albuquerque. Apesar de surpreender-se ele próprio com o resultado, Jaime nem caiu - rssssss.

Você há de se perguntar de onde surgiram tantos votos se a confraternização apessiana reuniu apenas pouco mais de 80 pessoas, contando com os que foram de carro. Parceira do APS, a operadora "Olá" abriu caminhos e o povo pôde votar dos mais distantes e inusitados lugares. A maior quantidade de votos veio do facebook. Os e-mails choveram. Agora, o que menos contribuiu foi o twitter, que o povo parece dar menor importância. Mas isso são apenas detalhes da festa mais que animada, onde todo mundo brincou. Observada pela coordenação, Vânia Barreto se esbaldou naquela piscina, no chuveirão e caldeirão. Chuáaaaaa! A presença de Vânia foi notória porque ela foi a primeira a entrar e a última a sair da água, embora não tenha sido a única a se divertir. As fotos registram dentes escancarados sorrindo, gargalhando e comprovando a descontração de quem participou da confraternização do APS.

O grupo saiu do Parque da Jaqueira às 8h30. Pra não perder o costume, fez uma pedalada mista até o Show de Bola. Subiu e desceu ladeiras, embrenhou-se em trilhas, perdeu-se mas se achou - rssssss - e enfrentou uma subida monstruosa de barro. Legal demais, mesmo pra quem pensou que não fosse gostar. Quando o APS chegou pra brincadeira, já estava tudo organizado por Márcia Cunha, que foi mais cedo pra ajustar as primeiras providências. O APS pagou o acesso do pessoal da camisa lilás, conseguiu abatimento de 50% para os descamisados - rsssss - e, de surpresa, anunciou uma grade de cerveja e 10 refris para a confraternização. Ôbaaaaaaa, gritaram os mais chegados a uma lourinha suada com batata frita. O consumo foi em comanda individual. 

A brincadeira começou com o sorteio de brindes. Muitos brindes, do cubo mágico à trena, da bebida ao vale-foto, da camiseta ao stik, do boné à manutenção de bike, da bolsa de viagem ao bilhete de metrô. Bilhete de metrô, de onde saiu isso, minha gente? Ah, foram dois bilhetes, uma gentil doação de Luciano Alcântara (rssss) que, por sorteio e por acaso, terminaram caindo nas mãos de Alberto e Jandete, casal simpático, que vai usar os tíquetes na próxima lua-de-mel - rsssssssss. Enquanto isso, e sem que os homens soubessem, a mulherada já estava de olho nos candidatos compulsórios a Beleza da Natureza, Toni Ramos, Café com Leite e Olívia Palito. Os votos corriam por baixo dos panos, agilizando uma contagem prévia. Foi dessa inicial que os nomes de Dennys e Chico se fortaleceram para a versão 2013 do concurso. Responsa antecipada - rssssss.

E pronto! A festa está quase no fim. Era pra demorar um pouquinho mais, mas Jandete quebrou a panela na primeira tacada, tirando a chance de outras tentativas. É tão engraçado, né, um quebra-panela? Brincadeira de criança que se perpetuou principalmente nas festas apessianas. A panela tinha farinha de trigo e bombons. No que ninguém acreditou foi quando Gil disse que havia dinheiro também. Rá, rá, rá. Somente Márcia e o filho de Daniel Dias cataram as moedas. Pô, mais de 10 "real". Depois, os homens desfilaram, Gilson entregou troféu e faixa a Milton, o pessoal foi pagar o consumo e aí a festa passou pra piscina e lá continuou.

Maroca confraternizou, mas não tomou banho de piscina. Esqueceu o biquine novo em casa, mas grudou olhos e ouvidos nas pessoas e conversas. Foi assim que ela ficou sabendo que tem um casal fazendo teste. Inocente da velha guarda, Maroca pensou que fosse teste de matemática ou português. Não, não, teste é pra ver se dá pra namorar. Um dia. Olha, tem uma bocado de fofoca, mas Macora tá começando a tomar juízo.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

SHOW DE BOLA

APS confraterniza com pedalada e banho de piscina

No próximo domingo, o APS realiza a última pedalada de 2012. Abre assim o período de recesso de fim de ano, descansa em janeiro e volta em data a ser divulgada. A despedida, no entanto, vai ser em grande estilo no Clube de Campo Show de Bola, localizado em área rural, divisa entre Recife e Olinda. Muitas piscinas pra refrescar o calor. E o APS não fica só nisso: vai haver distribuição de brindes, quebra-panela e concurso de pernas masculinas. O concurso é uma tradição, o homem participa compulsoriamente e nem sabe que está concorrendo a um dos títulos - Toni Ramos, Olívia Palito, Café com Leite e Beleza da Natureza. O júri é todo feminino e as mulheres podem conferir "un loco" se o cara realmente merece (rssss). O júri é soberano, o resultado é válido pro ano todo.Tem até faixa e trofeu (troféu ainda tem acento? - rissss.


O acesso ao Show de Bola custa R$ 10, mas o APS conseguiu um abatimento de R$ 5 para quem não tem a camisa 2012. Os que tiverem a lilaszinha e estiverem vestido com ela não vão pagar na entrada.O APS vai assumir. Lá dentro, o consumo é individual e o controle é feito em comanda.  Show de Bola  aceita todos os cartões de crédito, mas se você for pagar em espécie, o clube agradece se for dinheiro trocado. Desfrute de toda área do clube - piscinas, banho de caldeirão, área zen com pier, réplica da igreja de mãe Rainha - mas fique próximo. Este ano, tem área especialmente reservada pro grupo. É bom não se dispersar pra participar das atividades programadas especialmente pra você.



A pedalada até o Show de Bola é curta, cerca de 20km a 25km. Mas nem por isso deixe de tomar as devidas precauções. Usar capacete, manter-se próximo ao grupo, não se esquecer da câmara de ar sobressalente. Usar protetor solar e atender à orientação do guia e, nunca, ficar atrás da vassoura. O passeio vai ser show de bola. O APS sai do Parque da Jaqueira, domingo 16 de dezembro, às 8h da manhã. A hora de voltar é uma incógnita (rssssss). Ah, sim, para os amantes do paintball, aquele jogo doido que deixa todo mundo roxo, é a última novidade do Show de Bola. Paga por fora, tá, assim como o uso do campo de futebol.

domingo, 9 de dezembro de 2012

METRÔ

Ciclista aprova intermodalidade


Essa túia de ciclista agradece à CBTU - Metrorec a oportunidade de fazer um passeio integrando a bicicleta ao metrô. À superintendência, diretorias, departamentos, assessssorias e demais setores envolvidos nessa aventura de conhecimento. Um agradecimento especial a Lima de Souza, do setor de Operações, que abraçou a causa com carinho e, com agilidade, proporcionou ao grupo a experiência da intermodalidade. Também de forma especial, o agradecimento aos funcionários que, com tanta eficiência e simpatia (até pareciam fazer parte do grupo - rissss), deram conta da segurança dessa turma animadíssma que é o ciclista apessiano. Imagine, CBTU, abrir as portas pra mais de 100 ciclistas, falantes e brincalhões, e suas respectivas bikes, poderia ter resultado não muito satisfatório, mas o APS acredita que ambas as partes tiveram nota dez (rssss).  

A intermodalidade bike-metrô é um projeto antigo do APS que somente agora foi viabilizado. Pra falar a verdade, o APS não botava muita firmeza porque o número permitido de bicicletas nos vagões é limitado, o que não é bem o caso do grupo que sempre pedala com mais de 50 ciclistas. Mas, tentar não custa e lá se foi o APS pedir autorização à CBTU. O passeio foi ótimo e, parece, todo mundo curtiu numa boa. Foi mais gente do que o esperado, inclusive, gente que nunca havia andando de metrô. A CBTU reservou os dois últimos vagões para o grupo e deixou organizado todo um esquema de recepção e segurança. O pessoal destacado para atender o APS foi na medida.  


Os dois coordenadores - Gil e Márcia - cada qual num vagão, tomando conta da turma, hein (rsssss). Entre uma parada e outra, a fotógrafa aproveitou para registrar o movimento em cada um dos vagões. Ôpa.... ui.... Se as fotos ficarem tremidas a culpa não é da fotógrafa labiríntica, mas daquele sacolejo legal pra afinar cintura (rsss). Coincidência ou não, parece que os ciclistas - naturalmente, claro - se acomodaram nos vagões de acordo com as características de "mais descontraídos" e "menos inquietos". O primeiro grupo chegou a teatralizar personagens do metrô de Zorra Total. Foi ótimo. O segundo curtiu mais a paisagem pelas janelas fechadas e transparentes do transporte sobre trilhos, tudo devidamente registrado.


Com 28 estações e 39,5km de extensão, o sistema de transporte de passageiros sobre trilhos atende Recife, Jaboatão e Camaragibe. Indiretamente, no entanto, toda a Região Metropolitana é beneficiada através da integração com linhas de ônibus, o chamado transporte sobre pneus. Mais de 200 mil pessoas são atendidas diariamente. A qualidade do serviço vai melhorar no próximo ano, a partir de março, quando estiver funcionando o primeiro dos 15 novos trens que a Companhia Brasileira de Trens Urbanos comprou para operar na Região Metropolitana do Recife. Inicialmente, o tempo entre viagens vai se reduzir de 10 para oito minutos. Quando todos estiverem funcionando, o tempo de espera na estação vai cair para apenas quatro minutos. O segundo trem deve chegar em fevereiro de 2013 e o restante até novembro.


O APS desceu no Terminal Integrado de Passageiros, Estação Rodoviária, e entrou pelas matas do antigo Engenho São João. A parada pra hidratação, com água de coco e refri, e direito a uma pequenas comilanças de espetinho (rsssss) foi na praça da Várzea. De lá, o grupo entrou pela Nova Caxangá, Dois Irmãos, Poço da Panela, Parnamirim e concluiu o circuito de 25km na Praça da Jaqueira.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

MOBILIDADE URBANA

 APS vai de metrô

No próximo domingo, dia 09 de dezembro, o APS vai de metrô. Quer dizer... vai de bike e toma o metrô na Estação Recife. A Companhia Brasileira de Trens Urbanos - CBTU - reservou os dois últimos vagões para o grupo. Passando pelas estações de Joana Bezerra, Afogados, Santa Luzia, Werneck, Barro, Tejipió e Cavaleiro, os ciclistas descem na Rodoviária (Terminal Integrado de Passageiros - TIP -) voltando à Jaqueira pela mata da Várzea.  Bem no estilo mobilidade urbana, o passeio deve manter a média de 30km. 


A brincadeira, proveniente do eterno bom humor do apessiano, está liberada. Mas evite excessos, algazarra, correria e buzina nos vagões. Chato, né, incomodar os outros (rssss)? Comida também está proibida. Mantenha-se atento à orientação das placas, luminosos e faixas amarelas. Tudo isso são normas de segurança que devem ser cumpridas para evitar acidentes e problemas diversos com você ou outras pessoas. Uma das coisas mais importantes é não pedalar nas estações, nas plataformas e vagões.

Se você nunca andou de metrô, pode até achar estranho tanta cautela. Mas é como andar de ônibus, de avião ou mesmo trafegar de carro ou na sua própria bicicleta. Sempre existem cuidados, que devem ser levados em consideração, e normas que devem ser cumpridas. Eita, por falar nisso, é proibido fumar nos vagões. Ainda bem (rsssss). Andar de metrô é um barato, tão barato que o bilhete custa só R$ 1,60 (um real e sessenta centavos), valor que deve ser pago, na bilheteria, antes de passar para a plataforma de embarque.

No que diz respeito ao APS, os cuidados são os mesmos, sempre muito importantes. Seu capacete faz parte de sua proteção, permanecer no grupo também. Lembre-se de revisar a bicicleta e não esqueça sua câmara de ar sobressalente. A menos que você faça parte do apoio, permaneça atrás do guia e sempre à frente da vassoura. Seja gentil, solidário e respeite os outros. Bom passeio, domingo a gente se vê no metrô (rsssss).

Passeio - metrobike (rssss)
Tipo - misto (urbano e mata)
Concentração - Parque da Jaqueira
Saída - 8h
Levar - R$ 1,60 (dinheirinho trocado - rsssss)

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

RUÍNAS DE SÃO BENTO

EDITANDO TEXTO

Por onde o APS pedalou (enviado por Ricardo Nogueira)

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Abreu e Lima

Longo vai às ruínas de São Bento

A pedalada do APS no próximo domingo, 02 de dezembro, tem 50km. O grupo sai do Parque da Jaqueira, às 7h, e vai até Abreu e Lima, município da Região Metropolitana e que já foi distrito de Paulista. O passeio vai ser maravilhoso. O local é lindo, com a oportunidade de apreciar mata atlântica e construções históricas. Chama-se "Trilhas de Abreu e Lima", um programa do governo municipal para atrair turistas àquela área quase desconhecida.  Formado de quatro trilhas - Ruínas de São Bento, Forno da Cal, Rio Timbó e Córrego do Ouro - todas sinalizadas entre leve e média dificuldade. O APS, no entanto, vai fazer apenas uma, a que vai dar nas ruínas da igreja de São Bento. Ah, chore, não, a gente deixa as outras três para um próximo passeio. Tá bom assim (rssss)?

Desfrutar da natureza é um barato, mas você vai ver que a natureza ali vive em harmonia com as estradas de paralelepípedos. Além da mata atlântica, por ali corre o rio Timbó e o local transpira história e cultura. É um lado diferente da Abreu e Lima que você está acostumado a conhecer quando passa pelo centro agitado de trânsito e feira. As ruínas da igreja lembram o passado da cidade, que começou como povoado conhecido por "Maricota", proprietária de uma pousada que atendia viajantes. Você sabe que quem nasce em Abreu e Lima é abreu-limense? Embora a Trilha de São Bento esteja cadastrada como "média" o nível da pedalada do APS vai ser difícil. São ladeiras, poeira, quentchura muita vinda daquele sol que, a cada ano, só faz aumentar o calor.

Use capacete, principalmente se tiver cabelos ralos (rsssss). A alta temperatura pode fritar ovo em cabeça de careca. Não vale arriscar nem o ovo nem uma queda sem capacete. A pedalada é mista. No meio do caminho tem um bar onde você pode lanchar, se hidratar e mergulhar numa piscina. Cair na piscina custa R$ 3 por pessoa. Tome bastante líquido, use protetor solar, luvas e tenha a bike revisada. Não esqueça da câmara de ar sobressalente, tá? E tem umas coisitas mais: procure se manter em grupo, não passe na frente do guia que, embora não use GPS nem bússola (rsss), sabe o caminho. Bom, pelo menos ele fez o reconhecimento do percurso (rssss). Também não fique atrás da vassoura, o trabalho dela é sair varrendo tudo e todos pra ninguém se perder (rssss). Seja solidário, amigo, sorridente. Bom domingo, boa pedalada.

Domingo - 02 de dezembro
Concentração - Parque da Jaqueira
Saída - 7h
Destino - Abreu e Lima
Piscina - R$ 3 por pessoa

terça-feira, 27 de novembro de 2012

LONGÃO DA LUZ


Cansativo e óoooootimo


O longo de novembro foi show de bola. O camaleão não foi, mas ninguém reclamou da ausência do bicho. O passeio contou com 82 ciclistas empenhadíssimos em transpor os inúmeros obstáculos. Foram 50km de pura adrenalina, principalmente na hora em que o guia simulou estar perdido (rsssss). Perdido nada, gente, aquilo era uma homenagem (rsssss) a Fernando Dornelas, conhecido como mestre das trilhas, que naquele dia - domingo 25 de novembro - deu a honra de pedalar com o APS. A primeira etapa foi urbana até entrar no Sítio dos Macacos, passar pelo Sapucaia e subir Geraldo Doido, velho e temido conhecido do grupo. Ali, parece, só um zerou a ladeira. Problema nenhum, o importante é se divertir. Né?


E o que não faltou foi diversão e... cansaço. Pô, meu, o cansaço foi tanto que havia ciclista vendo a luz no fim do túnel (rsssss). Acorda que tem mais. Mais lenha na fogueira. Regos, galhos, tocos, pedras, cadê a água? Trouxe, não, foi? E agora, como vou sobreviver (rsssssss)? Eita...faltou inspiração, desculpaí e se divirta com as fotos. Pra ver melhor, basta clicar em qualquer uma no slideshow, à esquerda. E só pra dizer que não falei de flores, o APS está fechando um longo legal (dia 02) e um normal também legal (dia 09). Depois disso, encerra o ano ciclístico com uma pedalada de banho e entra em recesso. Desculpaí, tá, vou dormir (rssss).

 

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

ROTA DO CAMALEÃO

 Longão é trilha

Se você der de cara comigo, não tenha medo. Eu é que sou capaz de me assustar. Sou tão zen que me deixei cair da árvore bem na hora em que os três mosqueteiros passavam de bicicleta nas minhas terras de muito mato. Fiquei ali, sem me mexer, durante um tempão. Meu nome é "camaleão", muito prazer. Não sei se a gente se encontra no domingo 25 de novembro, mas se for o caso fique peixe, frio, tranquilo. E se a gente der de cara um com o outro talvez você nem me reconheça. Costumo mudar de cor, que pode ser marrom, verde ou vermelha. Minha cauda é longa e minha língua é pegajosa. Topa um beijo? Bom eu só tô avisando pra você não sair gritando, correndo, pensando que vou pegar carona na sua bike. Sou originário principalmente da África, mas sou figurinha certeira no Brasil. Tem gente que me chama de "lagarto", também, nada contra. Tenho uma crista dorsal que vai de minha nuca até minha cauda. Bom, tô me apresentando assim, dando muitas das minhas características que é pra você não me discriminar, tá? Nada de preconceito, viu? Eu sou sensível.

Mas também não sou a única distração do seu domingo longão. Já soube que vai ser um passeio arretado de bom, cheio de trilhas, mato, mata fechada, estradinhas que só passa um atrás do outro. Vai ser difícil, mas se eu fosse você por nada eu perderia essa aventura apessiana. Muitíssimas ladeiras, estradas sinuosas feito cintura de mulher-violão (gostou?), terreno arenoso e acidentado. Olha, o que tem de erosão num tá na conta do gibi. Eu só peço pra ter cuidado: tem muito motociclista e muitas descidas estreitas, cheias de curvas, toco, galho, tronco, raiz, barranco, pedra e uma tal de tiririca, espécie de erva daninha que a-d-o-r-a ferir  braços e pernas. Use mangas e calças compridas, sapato fechado e não se espante se, mesmo na mata, a temperatura estiver alta, tempo abafado e quente e a poeira subindo pelos ares. Oh, calor!

Vai dar uns 50km, mas eu - camaleão calejado (rsssss) - aposto que você vai ter sensação duplicada, triplicada, sei lá. Depois não reclame se a água faltar. Tome providências pra se hidratar bastante, sempre que possível. Cerveja, não, claro, só depois do passeio. Passe seu protetor solar, aliás, repita a operação de guerra contra o sol. Não se esqueça da câmara de ar de reserva (vai que teu pneu baixa!) e use capacete e luvas pra se proteger. Tenha paciência principalmente em fila indiana, afinal, nem todo mundo tem a mesma  intimidade com a mata. Agora, quando a imprensa quiser "imprensar", deixe  e sorria. Afinal,  "Você está no blog" (rsssssss).

Nível - difícil
Local - Região Metropolitana
Concentração - Parque da Jaqueira, entrada pelo portão da Rua do Futuro
Saída - 7h
Volta - nem pergunte (rsssss)

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

UMA FESTA

Parabéns pro BpTran e todos nós

Como todo aniversário que se preza, o do Batalhão de Trânsito de Pernambuco também teve festa. Se não bolinhas de soprar, com certeza bandeirolas ao vento do Recife. Menos ou mais convidados do que no ano passado? Difícil acertar a olhos vistos, mas uma coisa tava na cara: era um pessoal festeiro. Chegou em cima da hora, como habitualmente acontece (rssssss), mas também só largou a bicicleta na hora dos parabéns. Maroca foi, mas jurou de pés juntos que não contaria as fofocas. É bom confiar na menina. A comemoração dos 20 anos do BpTran teve a participação da Rede Globo Nordeste que, este ano, fez umas modificações essenciais à garantia do horário previsto para começo e fim. O aniversariante também tomou suas providências para que nada acontecesse aos convidados. E deu tudo certo, mesmo com Maroca reclamando da promessa de segurar a língua e de não dar nota zero àquele cara que fantasiou a bicicleta de touro. Por falar em fantasia, as bicicletas originais marcaram presença: as altas (quatro metros de altura), as largas (duas selas lado a lado), as comerciais (raspa-raspa, música brega e chique e pipoca) e ainda havia bicicleta vestida de Náutico, Santa, Sport e Brasil.


A festa levou o nome de VI Passeio Rede Globo Nordeste. Foi organizado pelo Corujaqueira que, mais uma vez, deu banho em matéria de teoria e prática de planejamento (rssssss). Legal demais, principalmente por contar com a união de diversos grupos ciclísticos que, voluntariamente, não pouparam esforços em fazer o melhor. O APS estava lá, e então! E ainda tinha Aquabike, Maré, Kansadus, Venture, Tropa de Elite e...ai, meu Deus, e se eu não me lembrar de todos será que vai dar bronca (rssss)? Uma grande estrutura pra dar conta da responsabilidade de conduzir muita, muita, muita, muita gente pelas ruas da cidade, essa cidade linda, cheia de problemas e poesia, pontes e rios. Ambulâncias equipadas, ônibus pro pessoal cansado e caminhão pra bicicleta quebrada. Tudo funcionou, inclusive o esperado banho com aquele mangueirão do Corpo de Bombeiros. O calor estava de lascar e o pessoal se esbaldou, bem ali na Praça da República, ao lado do famoso baobá que teria inspirado Saint Exupery a escrever o Pequeno Príncipe. Éeee!


Foram 15km de percurso na companhia da Forrovioca. O mais difícil foi coordenar a passagem pela Avenida Agamenon Magalhães, utilizando a via local e permitir que andasse o já complicado trânsito recifense. Se Maroca disser que "tava tudo tranquilo na Agamenon", a criatura tá mentindo (rssss). Os motoristas mais apressados, agoniados, estressados, buzinaram bastante, viu? Mas isso foi só durante o tempo em que a massa de bicicleta se acomodou toda na Agamenonzinha lateral. Pronto. A formação dos ciclistas na Rua do Sol, cruzando a Avenida Guararapes, foi uma das mais bonitas e onde se viu a perfeição no movimento dos órgãos envolvidos no passeio, cada qual na sua área de atuação. "Olhasse" pro céu naquela hora? Uma linda conspiração do tempo com o espaço. Eita, botei pra quebrar (rsssss). Enfim, depois dos convidados irem embora, foi a vez dos trabalhadores confraternizarem. Ufa!


quinta-feira, 8 de novembro de 2012

11 DE NOVEMBRO

 Mais um Rede Globo Nordeste no Recife


A Rede Globo e a Polícia Militar de Pernambuco montaram uma grandiosa estrutura para garantir a segurança e organização do VI Passeio Ciclístico Rede Globo Nordeste. O evento, que aguarda mais de 10 mil ciclistas em circulação nas ruas do Recife, está marcado para o próximo domingo, dia 11 de novembro. A concentração, no quartel do Derby, começa às 7 e o passeio tem saída às 8h em ponto. O percurso está estimado em 15km, passando por pontos históricos e turísticos da capital pernambucana. Organizado pelo Corujaqueira, com apoio de diversos grupos ciclísticos, incluindo o APS, o VI Passeio Ciclístico Rede Globo Nordeste comemora os vinte anos de criação e atuação do Batalhão de Trânsito de Pernambuco. O próprio BPTRAN participa com batedores motorizados e veículos carcaterizados e não caracterizados. A PM também entra no esquema de segurança e tranquilidade, utilizando ciclopatrulheiros em meio ao grande público. Ônibus, caminhão-baú, quatro ambulâncias, uma delas com UTI, também integram a estrutura. O público vai dispor de quatro pontos de distribuição de água e banheiros químicos na Praça da República, onde tem prevista parada pra descanso. Uma novidade este ano é o sorteio de prêmios que vai utilizar telão eletrônico e o resultado publicado em site. Realizado desde 2007 com apoio do Corujaqueira e participação de grupos ciclísticos, o Rede Globo x BpTran cresce anualmente em proporções gigantescas. De dois mil participantes no primeiro ano, atingiu mais de 10 mil no ano passado, arrecadando toneladas de alimentos para atendimento a pessoas carentes. 

Para dar conta das prováveis dificuldades oriundas da quantidade de público, também foi necessário aumentar a participação de ciclistas-guias. São 192 escalados para atuar em posições de líder, fluxo e vassoura, três equipes fotográficas e 60 bikes com bandeirolas. Os guias usam camisa laranja e o público, inscrito com dois quilos de alimento não perecível, vai receber camisa verde. Os guias estão aptos a orientar o público em caso de quebra, queda, pneu furado e crianças perdidas. Papais, mamães e responsáveis fiquem tranquilos se derem pela falta de um de seus rebentos. Crianças calmas, em condições de continuar pedalando, serão acompanhadas por um guia de fluxo até a parada na Praça da República ou ao Derby, ponto de retorno. Os avisos serão dados pelo carro de som. As crianças mais agitadas ou menores serão diretamente encaminhadas ao carro de apoio e sua bicicleta vai para o caminhão. Duas pulseiras de numeração igual serão colocadas na criança e na bicicleta, para posterior entrega. Papais, mamães e responsáveis nem por isso deixem de olhar essas criaturas. Vocês mesmos podem ajudar se, antes de sair de casa, colocarem seus nomes e telefones em papel no bolso da calça do baixinho. Legal, né, assim a segurança será garantida para ambas as partes - coordenação e público.

O numeroso público também pode e deve ajudar. Quebrou a bike, furou o pneu, cansou, não aguenta mais? Calma, pra tudo tem solução. Aceite a orientação do guia-fluxo. Cara legal esse cara do fluxo. Simpático, tá sempre com aquele sorrisão, dizendo assim: "amigo (a) fique na calçada, aguarde o carro de apoio e o caminhão. Não se preocupe com sua bike. A gente vai botar uma pulseirinha no seu braço e outra igual na sua bicicleta. Você pode conferir, confira, vá. Agora, você vai pro ônibus (ou carro de apoio) e sua magrela amiga vai pro caminhão. No fim do passeio, lá no Derby, vocês se encontram. Tá legal?" Pronto, tá feito o acordo e você vai ver que tudo vai dar certo. Sempre dá. Agora, numa situação mais vexatória, se por exemplo alguém passar mal, tem logo quatro ambulâncias. Mais uma vez, procure o guia-fluxo. É claro que ninguém tá apostando nisso, mas segurança é necessário pra festa ser cada vez melhor. Olha, gente, vai ser legal, muito bom. Você vai se divertir à vontade, enquanto um bocado de outras pessoas, entre ciclistas, policiais e globais estão ali pra garantir seu lazer no domingo 11 de novembro.

Ah, um recadinho pros guias: quando a festa acabar permaneça ali no Quartel do Derby, só por mais alguns minutos. É quando chega a hora da festa dos trabalhadores - a foto oficial pra guardar na prateleira, no pc ou espalhar no facebook (rsssss). E outro recado: o público pode chegar a partir das 7h. Os guias chegam mais cedo, às 6h20, mesmo que morrendo de preguiça de sair da cama a essa hora da madrugada (rssss).